sábado, 7 de fevereiro de 2009

HÁ ALGO DE PODRE NO REINO DA DISNEY - PARTE 2 [FINAL]





- Se estamos negociando?... SEMPRE!








SORTE NO JOGO, FELIZ NO AMOR

Gastão, o primo sortudo de Pato Donald, apesar de também dispensado, não foi acometido pela mesma maré de azar que os outros. O ganso esnobe e preguiçoso foi contratado a peso de ouro por uma multinacional alimentícia chinesa para escrever mensagens em biscoitos da sorte. Sopa no mel.

Ao saber da novidade, Margarida subitamente encantou-se por Gastão, a ponto de atribuir ao ganso inúmeras qualidades, até então, desconhecidas - inclusive pelo próprio.

A vaca, digo, pata, já se separou de Donald, seu ex-affair, para afogar o ganso com o outro. Ela e Gastão estão se conhecendo melhor:

- É que.. não sei, faltava alguma coisa no Donald. E o Gastão.. ah, ele me completa, é minha alma gêmea.


PROBLEMA EM TRIPLO

Demitido, corno e duro, Donald foi obrigado a matricular seus três sobrinhos trigêmeos Huguinho, Zezinho e Luisinho numa escola pública de Patópolis. Dos três, Zezinho é quem vem dando mais trabalho durante as aulas, tendo sido flagrado no pátio - mais de uma vez - fumando crack com um dos metralhinhas.


CAIU COMO UM PATO

Tio Patinhas perdeu bilhões em ações ainda no início da crise, em setembro de 2008 e, por isso, foi internado às pressas. AVC fulminante. Ao deixar o hospital de Patópolis, o ancião se viu obrigado a penhorar sua moeda número 1.


VIDA NOVA

Para reduzir ao máximo nos custos, até os Irmãos Metralha foram soltos da Penitenciária Disney. Eles não planejam mais arrombar o - agora vazio - Caixa Forte do Tio Patinhas. Os três buscam, enfim, um trabalho honesto.

O primeiro pretende usar sua experiência na área política; o segundo está fazendo prova para PM; e o terceiro quer se formar advogado.

- Vai que os meus irmãos precisam de mim no futuro...


SE VIRA!

O Professor Pardal, por enquanto, está mantido no cargo. Mesmo assim, teve redução de salário e está sendo pressionado a criar novos brinquedos para os parques da Disney; invenções que sejam - ao mesmo tempo - econômicas e atraentes para as crianças. E que as façam esquecer das antigas, já obsoletas.

Pardal respondeu que essa invenção já existe. Chama-se livro.


É NOZ

Tico e Teco foram chamados para ajudar o Professor Pardal a pensar em novos projetos.

Tarefa difícil, pois os dois esquilos de espécie tâmia não aceitam deixar sua residência desguarnecida nem um minuto sequer. Ambos alegam [na verdade, apenas o Tico alega; Teco se distrai enxugando um cubo de gelo] que Donald, desempregado, corno e faminto, é presença constante no quintal de sua casa, a espreita, querendo roubar-lhes as duas toneladas de noz estocadas no porão.


PUTA CHANCE

Após a morte do coelho Roger Rabbit por ingestão acidental de remédios para depressão, [dizem que Rabbit sofria de ciúmes doentio de sua esposa com o astro rei da Warner Bros, Pernalonga], a sexy viúva Jéssica Rabbit recebeu convite do Brasil para voltar a cantar na noite.

O emergente produtor de eventos José Carioca quer transformar Jéssica na nova Carmem Miranda e prometeu à diva muitos trabalhos nos melhores points noturnos das avenidas Prado Junior e Atlântica.

O papagaio ixpértu, inclusive, diz já ter assinado um pré-contrato para que Jéssica desfile na Praça Tiradentes por uma famosa agência de modelos, a Daspu.


MENOS UM PATETA

Pateta era o primeiro na lista de demitidos. Apesar do inegável carisma com as crianças, é consenso entre os altos executivos da Disney que o cão da raça bloodhound sofre de sérios problemas de déficit de atenção, inquietação psicomotora, apatia e demência.

E, mesmo tendo sido contratado pelo sistema de cotas para funcionários com deficiência física e/ou mental, o desajeitado personagem prejudica a saúde financeira da companhia - segundo relatório de uma empresa de consultoria contratada para enxugar os gastos da Disney.

O cão sem dono agora espera a primeira parcela do seguro-desemprego, enquanto divide com um contrariado Pluto a apertada casinha de cachorro deste, situada no quintal da intocável mansão em estilo medieval de Mickey Mouse. O camundongo, que ocupa apenas 1 dos 16 quartos de sua humilde toca, disse a Pateta que não teria condições de hospedá-lo.

E o pateta acreditou.


COME, QUE É MACUMBA!

Aliás, Pluto está puto com seu ilustre dono porque este resolveu trocar sua antiga ração por uma nova dieta à base de frango, farofa, canjica, pipoca, bala juquinha e o que mais Mickey for encontrando despachado pelas encruzilhadas do bairro.


POLÊMICA

Em seu blog pessoal, a ex-primeira dama Minnie Mouse lança suspeitas de que Mickey participou ativamente da fatídica reunião da Walt Disney Company que escolheu os 600 personagens demissionários.

Mickey, acionista majoritário, nega tudo.

O astro maior da Disney aproveitou também para reforçar sua inabalável fé no futuro dos negócios da companhia, emitindo seguinte nota à imprensa:

- Agora que não tem mais o mongol do Pateta e o invejoso do Donald, isso aqui vai bombar!

O camundongo não se furtou em demonstrar seu lado humano, solidarizando-se com o nadador Michael Phelps, flagrado recentemente fumando maconha.






- Tamo junto e misturado, playboy... Free! Free! Mike Phelps Free!








Marcus Losanoff

5 comentários:

carulina disse...

d-e-s-c-o-l-a-m-e-n-t-o-d-e-r-e-t-i-n-a.

frasista e alarmista disse...

eu também!!!

mas é como eu digo: este brógui é feito para incomodar! hahahaha

sei lá, diminui o brilho da tela... com certeza nao vai tirar o brilho dos meus posts. pppfff.. hahahaha

carulina disse...

sai fora! vou tirar o te blogue!!!

Manuela disse...

esta muy bueno!!! hay que matarlo a Mickey Mouse... como a todos los empresarios humildes que siguen en pie ante la crisis. Los personajes, aunque no sé los nombres de todos, están geniales!
Un beso

frasista e alarmista disse...

gracias manuzinha querida.


Marcus